quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

2011 – 75 anos…

Joaquim dos Santos, Casa da Casinha_2005

Apenas como pretexto, apenas isso… 75 anos seriam completados, neste novo ano, pelo Maestro Joaquim dos Santos. Ou seja, 75 anos são um mote, mesmo que pequeno, um mote para querer ir mais além…

Esta vontade de querer ir mais além passa por algo mais do que a publicação de mensagens neste blog. Claro que, se pensarmos na vida social e cultural da actualidade a vontade de escrever ou fazer o quer que seja até parece que se poderá dissipar. Mas não… querer mais e mais!

Apenas como pretexto, 2011 será um ano para comemorar. Mesmo que de forma mais modesta e não tão vistosa, 2011 será um ano para assinalar, assinalar ainda mais o espírito, a obra, o homem que se dá em Joaquim dos Santos. Não dá para acreditar que se vá fazer uma temporada de concertos ou algo do género (que bom seria) mas com gestos simples este ano será, igualmente, um bom ano para a cultura, uma cultura de meios. Se 2011 quiser oferecer apoios à música do Maestro Joaquim dos Santos, naturalmente são bem-vindos, se não o fizer… nunca ninguém nos poderá tirar a imaginação, a ambição e a força da acção!

Para começar, o primeiro desafio está na publicação da obra integral para piano solo do Pe. Joaquim dos Santos. Não estamos a falar de muitas obras mas estamos, com certeza, a falar em ambição.

O interesse que se tem revelado na obra para piano do Pe. Joaquim dos Santos justifica a ideia e há muito que o trabalho de edição está em preparação.

Um novo trabalho académico está a ser iniciado em torno de uma obra do Maestro. “Prologus” – seis impressões musicais do Evangelho de S. João para piano solo vai ser alvo de estudo, entre outras obras de vários autores. Filipe Cerqueira, aluno de Piano, abordará a obra referida na sua Tese de Mestrado a realizar na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo – Porto. Um grande bem-haja!

A, já enorme, flautista portuguesa Adriana Ferreira incluirá na sua próxima gravação de CD uma obra do Maestro. “Minuetto” para flauta e piano tem data de 1986. Desde muito cedo que Adriana Ferreira tem tocado a obra do Pe. Joaquim dos Santos, desde as simples canções populares até ao "Concerto para Flauta e Orquestra do qual é dedicatária. Claro está, um bem-haja igualmente grande!

Entretanto espera-se que outras actividades tenham lugar e que seja terminado o que foi iniciado, pois há mais trabalhos a espreitar por aí… Ideias e vontades não faltam. Que se chegue a bom porto.

Um bom ano 2011!